top of page

Referência úteis


O Conselho Federal de Psicologia (CFP) estabelece que é importante que os documentos psicológicos sejam fundamentados em referências teóricas e metodológicas, a fim de garantir a qualidade e a precisão do trabalho realizado.


Além disso, o CFP também estabelece que os psicólogos devem respeitar os direitos autorais, citando as fontes utilizadas em seus registros documentais e trabalhos científicos, de acordo com as normas técnicas de referência bibliográfica. A utilização de referências adequadas e corretas é fundamental para a transparência e a ética do trabalho realizado pelo profissional da psicologia.


A Resolução CFP Nº 006/2019 institui as regras para a elaboração dos documentos produzidos pelos psicólogos e estabelecem que nas modalidades laudo psicológico e parecer psicológico as referências bibliográficas constam como elementos obrigatórios.


Separamos algumas referências bibliográficas de testes psicológicos para que você possa utilizar.


Testes psicológicos


  • Inteligência:

BOCCALANDRO, Efraim Rojas. G-38: TESTE NÃO VERBAL DE INTELIGÊNCIA. 5. Ed. São Paulo: Vetpr, 2010.


Rosa, H.R. & Alves, I.C.B. (2000). R-2: Teste não verbal de inteligência para crianças - Manual. São Paulo: Vetor Editora.


Boccalandro, E.R. (2002). G-36 Teste não verbal de inteligência – Manual. São Paulo: Vetor.


KELLOGG, C.E. TESTE NÃO VERBAL DE INTELIGENCIA GERAL: BETA III SUBTESTES RACIOCÍNIO MATRICIAL E CÓDIGOS. C.E. Kellogg, N.W. Morton; padronização brasileira Ivan Sant’Ana Rabelo [et. Al]. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2011.


Souza, F.V. & Cambraia, S.V. (2002). Teste dos Relógios formas B e C – Manual. (2ª ed.). São Paulo: Vetor.


  • Atenção:

LANCE, A. C. N. [et al]. Atenção on-line: AOL. São Paulo: Vetor, 2018.


RUEDA, F. J. M. Teste de Atenção Dividida (TEADI) e Teste de Atenção Alternada (TEALT). São Paulo: Casa do Psicólogo, 2010.


RUEDA, F. J. M. & SISTO, F. F. Teste de Atenção Concentrada (TEACO-FF). São Paulo: Casa do Psicólogo, 2009.


PRIMI, Ricardo. BPR-5: BATERIA DE PROVAS DE RACIOCÍNIO MANUAL TÉCNICO. Ricardo Primi, Leandro S. Almeida. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.


RUEDA, Fabián Javier Marin. BPA-2: Bateria psicológica para avaliação da atenção-2: livro de instruções: vol 1; Fábian Javier Marin Rueda,São Paulo: Vetor Editora, 2022.


  • Personalidade:


ALVES, I. C. B.; ESTEVES, C. O Teste Palográfico na Avaliação da Personalidade. São Paulo: Vetor, 03ª Edição 2019.


VILLEMOR-AMARAL, A. E. As Pirâmides Coloridas de Pfister. São Paulo: Hogrefe, 2020.


NUNES, Carlos Henrique Sancineto da Silva. Bateria Fatorial de Personalidade (BPF): Manual técnico: Carlos Henrique Sancineto da Silva Nunes, Claudio Simon Hutz, Maiana Farias Oliveira Nunes, São Paulo: Casa do Psicólogo, 2010.


McCRAE, R. R., COSTA JUNIOR, P. T. NEO PI-R: Inventário de cinco fatores NEO revisado; e Inventário de cinco fatores Neo revisado: NEO-FFI-R (versão curta).


LOCK, Michael. LJI-2: INDICADOR DE JULGAMENTO DE LIDERANÇA MANUAL. Michael Lock, Robert Wheeler, Nick Burnard; tradução Adail Sobral, Pietra Acunha. 2. Ed. São Paulo: Hogrefe CETEPP, 2016.


  • Memória:

RUEDA, F. J. M.; RAAD, A. J.; MONTEIRO, R.M. TEM-R 2: teste de memória de reconhecimento. São Paulo: Vetor, 2022.


  • Inventário de saúde:

DEROGATIS, L. R. BSI: Inventário Breve de Sintomas. São Paulo: Casapsi Livraria e Editora Ltda, 2019.

 

Informações úteis:


CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA (CFP). Resolução 001/2009. Disponível em: https://site.cfp.org.br/wp-content/uploads/2009/04/resolucao2009_01.pdf Acesso em: 30 de março de 2023. Dispõe sobre a obrigatoriedade do registro documental decorrente da prestação de serviços psicológicos.


CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA (CFP). Resolução 002/2016. Disponível em: http://satepsi.cfp.org.br/docs/Resolucao002-2016.pdf Acesso em: 01 de dezembro de 2022. Dispõe sobre Avaliação Psicológica em Concurso Público e processos seletivos de natureza pública e privada.


CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA (CFP). Resolução 006/2019. Disponível em:https://crpsc.org.br/public/images/boletins/Resolucao_CFP_0166607_Resolucao_06.2019_Comentada_.pdf Acesso em: 30 de março de 2023. Dispõe sobre a elaboração de documentos escritos produzidos pela(o) psicóloga(o) no exercício profissional.


CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA (CFP). Satepsi. Disponível em: http://satepsi.cfp.org.br/testesFavoraveis.cfm Acesso em: 15 de março de 2022.


CFP (Conselho Federal de Psicologia). (1999). Resolução CFP nº 1, de 22 de março de 1999. Estabelece normas de atuação para os psicólogos em relação à questão da orientação sexual. [S.l.: s.n.], 1999.


CFP (Conselho Federal de Psicologia). (2018). Resolução CFP nº 11, de 11 de maio de 2018. Regulamenta a prestação de serviços psicológicos realizados por meio de tecnologias da informação e da comunicação e revoga a Resolução CFP nº 11/2012. [S.l.: s.n.], 2018.


CFP (Conselho Federal de Psicologia). (2020). Resolução CFP nº 4, de 26 de março de 2020. Dispõe sobre regulamentação de serviços psicológicos prestados por meio de tecnologia da informação e da comunicação durante a pandemia do Covid-19. [S.l.: s.n.], 2020.


CFP (Conselho Federal de Psicologia). (2022). Avaliação psicológica para manuseio de arma de fogo. Orientações sobre o exercício profissional, conforme Resolução CFP nº 1/2022 e Instrução Normativa nº 78/2014, em vigência, da Polícia Federal. [S.l.: s.n.], [2022].


CFP (Conselho Federal de Psicologia). Resolução CFP nº 1, de 29 de janeiro de 2018. Estabelece normas de atuação para as psicólogas e os psicólogos em relação às pessoas transexuais e travestis. [S.l.: s.n.], 2018. Disponível em: https://atosoficiais.com.br/cfp. Acesso em: 1 jul. 2022.


PEREIRA, D. F.; BANDEIRA, D. R. Aspectos práticos da avaliação psicológica nas organizações. São Paulo: Vetor, 2017.

98 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page