• Redação Avaliar Psicologia

Neuropsicologia



A Neuropsicologia é uma área de interface entre a Neurologia e a Psicologia, que estuda as relações entre o cérebro e o comportamento humano. De um lado há o estudo detalhado do sistema nervoso e do outro há a análise do comportamento humano e dos processos psicológicos, assim, em outras palavras, a neuropsicologia atua mais frequentemente no estudo das funções mentais superiores, tais como:

  • Atenção;

  • Memória;

  • Raciocínio;

  • Capacidade de julgamento;

  • Comportamento;

  • Emoções;

  • Controle inibitório;

  • Tempo de reação;

  • Praxias (atividade motora fina);

  • Sensopercepção

Ao reconhecer a Neuropsicologia como especialidade da Psicologia, o Conselho Federal de Psicologia, na Resolução 002/ 2004, define que a área:

"Atua no diagnóstico, no acompanhamento, no tratamento e na pesquisa da cognição, das emoções, da personalidade e do comportamento sob o enfoque da relação entre estes aspectos e o funcionamento cerebral. Utiliza-se para isso de conhecimentos teóricos angariados pelas neurociências e pela prática clínica, com metodologia estabelecida experimental ou clinicamente.”

O nascimento da neuropsicologia está associado ao estudo de lesões cerebrais e alterações comportamentais, de raciocínio, memória e linguagem dos soldados que foram feridos durante a guerra. Partindo do estudo dessas lesões foi possível entender melhor a correlação entre o cérebro e como ele influencia diretamente nestas funções ou indiretamente personalidade ou manifestação de emoções.


Compreender essas relações também significaria pensar em melhores intervenções para diferentes públicos.

Por exemplo, quando entendemos as alterações "normais" ou esperadas para um idoso, podemos avaliar se a redução da capacidade de realizar tarefas está dentro do esperado para sua faixa etária ou se há alguma alteração, fora do esperado, para a idade do idoso.

Ou mesmo quando uma criança presenta dificuldade de alfabetização, podemos entender se as dificuldades apresentada são esperadas ou não para sua faixa de desenvolvimento.



Quais as principais demandas que um Neuropsicólogo atende?


Há profissionais de neuropsicologia que trabalham como pesquisadores para o estudo do cérebro e seu desempenho e também há especialistas que atuam no contexto clínico.

O Neuropsicólogo clínico tem a função de entender a demanda, criar hipóteses, investigar e avaliar para desenvolver um plano de tratamento para o paciente.

As principais demandas que esses profissionais atendem são principalmente:


• Problemas de orientação;

• Distúrbios de atenção e concentração;

• Distúrbios de percepção viso-espacial;

• Distúrbios de memória;

• Distúrbios de linguagem;

• Lentidão no processamento de informações

• Dificuldades de raciocínio lógico, de planejamento e de julgamento;

• Falta de iniciativa;

• Distúrbios do Comportamento;

• Isolamento e afastamento social;

• Pessoa com algum tipo de disfunção ou lesão cerebral, que com frequência experimenta dificuldades no dia-a-dia, em consequência de alterações emocionais, cognitivas ou comportamentais.


Partindo dessas demandas o profissional deve desenvolver um raciocínio clinico, escolhendo técnicas de avaliação adequadas para cada demanda, bem como deve montar o seu protocolo de avaliação, com opções de testes para cada demanda.


9 visualizações

CONFIANÇA

em avaliações psicológicas