top of page

Testes neuropsicológicos

Atualizado: 30 de mar. de 2023



A Neuropsicologia é uma área de interface entre a Neurologia e a Psicologia, que estuda as relações entre o cérebro e o comportamento humano. De um lado há o estudo detalhado do sistema nervoso e do outro há a análise do comportamento humano e dos processos psicológicos, assim, em outras palavras, a neuropsicologia atua mais frequentemente no estudo das funções mentais superiores, tais como:

  • Atenção;

  • Memória;

  • Raciocínio;

  • Capacidade de julgamento;

  • Comportamento;

  • Emoções;

  • Controle inibitório;

  • Tempo de reação;

  • Praxias (atividade motora fina);

  • Sensopercepção

Ao reconhecer a Neuropsicologia como especialidade da Psicologia, o Conselho Federal de Psicologia, na Resolução 002/ 2004, define que a área:


"Atua no diagnóstico, no acompanhamento, no tratamento e na pesquisa da cognição, das emoções, da personalidade e do comportamento sob o enfoque da relação entre estes aspectos e o funcionamento cerebral. Utiliza-se para isso de conhecimentos teóricos angariados pelas neurociências e pela prática clínica, com metodologia estabelecida experimental ou clinicamente.”

O nascimento da neuropsicologia está associado ao estudo de lesões cerebrais e alterações comportamentais, de raciocínio, memória e linguagem dos soldados que foram feridos durante a guerra. Partindo do estudo dessas lesões foi possível entender melhor a correlação entre o cérebro e como ele influencia diretamente nestas funções ou indiretamente personalidade ou manifestação de emoções.


Compreender essas relações também significaria pensar em melhores intervenções para diferentes públicos.

Por exemplo, quando entendemos as alterações "normais" ou esperadas para um idoso, podemos avaliar se a redução da capacidade de realizar tarefas está dentro do esperado para sua faixa etária ou se há alguma alteração, fora do esperado, para a idade do idoso.

Ou mesmo quando uma criança presenta dificuldade de alfabetização, podemos entender se as dificuldades apresentada são esperadas ou não para sua faixa de desenvolvimento.



Quais as principais demandas que um Neuropsicólogo atende?


Há profissionais de neuropsicologia que trabalham como pesquisadores para o estudo do cérebro e seu desempenho e também há especialistas que atuam no contexto clínico.

O Neuropsicólogo clínico tem a função de entender a demanda, criar hipóteses, investigar e avaliar para desenvolver um plano de tratamento para o paciente.


As principais demandas que esses profissionais atendem são principalmente:


Problemas de orientação;

• Distúrbios de atenção e concentração;

• Distúrbios de percepção viso-espacial;

• Distúrbios de memória;

• Distúrbios de linguagem;

• Lentidão no processamento de informações

• Dificuldades de raciocínio lógico, de planejamento e de julgamento;

• Falta de iniciativa;

• Distúrbios do Comportamento;

• Isolamento e afastamento social;

• Pessoa com algum tipo de disfunção ou lesão cerebral, que com frequência experimenta dificuldades no dia-a-dia, em consequência de alterações emocionais, cognitivas ou comportamentais.


Partindo dessas demandas o profissional deve desenvolver um raciocínio clinico, escolhendo técnicas de avaliação adequadas para cada demanda, bem como deve montar o seu protocolo de avaliação, com opções de testes para cada demanda.

 

Testes de avaliação neurológica


1. ANELE 1 - LPI (Avaliação de Leitura de Palavras e Pseudopalavras Isoladas)


NÃO-RESTRITO

Público alvo: 6 A 12 ANOS, 1º A 7º ANO ENSINO FUNDAMENTAL.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Avaliar a habilidade de leitura oral, mais especificamente, a precisão no reconhecimento de palavras e pseudopalavras.

 

2. ANELE 2 - COMTEXT (Avaliação da Compreensão de Leitura Textual)


NÃO-RESTRITO

Público alvo: 9 a 12 anos, 4° A 6° ano ensino fundadamental.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Avaliação da compreensão de leitura em crianças do 4º ao 6º ano do ensino fundamental.

 

3. ANELE 3 TEPP (Tarefa de Escrita de Palavras e Pseudopalavras)


NÃO-RESTRITO

Público alvo: 34 A 82 ANOS.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Identificar a integridade das rotas de escrita (fonológica, lexical ou ambas) para traçar o melhor plano de intervenção (preventiva, terapêutica ou educacional) ou de continuidade do processo de avaliação.


 

4. ANELE 4 TLPP (Tarefa de Leitura de Palavras e Pseudopalavras)


NÃO-RESTRITO

Público alvo: CRIANÇAS E ADOLESCENTES DE ESCOLAS PRIVADAS (DE 10 A 13 ANOS DE IDADE) E ADULTOS (DE 20 A 85 ANOS DE IDADE).

Aplicação: Individual.

Objetivo: Identificar a integridade das rotas de leitura (fonológica, lexical ou ambas) para complementar o processo de avaliação e diagnóstico e traçar o plano de intervenção e as práticas acadêmicas (educativas) mais eficazes para cada indivíduo

 

5. ANELE 5 - AFLeT (Avaliação da Fluência de Leitura Textual)


NÃO-RESTRITO

Público alvo: 7 a 10 anos de idade, 2º ao 4º ano Ensino Fundamental.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Avaliar a fluência de leitura textual de um texto narrativo e identificar as habilidades e possíveis dificuldades de fluência de leitura oral. Além disso, verificar os pontos fortes e fracos na fluência de leitura e possibilitar o monitoramento da evolução do desempenho.

 

6. BAYLEY III - ESCALA DESENVOLVIMENTO DO BEBE E CRIANCA PEQUENA


NÃO-RESTRITO

Público alvo: De 1 a 42 meses de idade.

Aplicação: Individualmente.

Objetivo: Consiste em identificar atrasos no desenvolvimento e providenciar informações para o planejamento de intervenções.


 

7. BDEFS - ESCALA DE AVALIAÇÃO DE DISFUNÇÕES EXECUTIVAS DE BARKLEY


NÃO-RESTRITO

Público alvo: De 18 A 70 ANOS.

Aplicação: Individual e coletivo.

Objetivo: A avaliar os possíveis déficits das funções executivas nas atividades cotidianas. Entre as funções avaliadas estão: - Gerenciamento de tempo; - Organização e resolução de problemas; - Autocontrole; - Automotivação; - Autorregulação de emoções. Com uma forte base teórica, o material se classifica padrão ouro, sendo um grande aliado para estudos e trabalhos acadêmicos.

 

8. BVRT - Retenção Visual de Benton

RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: Crianças a adultos entre 7 e 30 anos, e idosos entre 60 e 75 anos.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Avaliar habilidades de memória visual, percepção visual e praxia visuoconstrutiva.

 

9. DENVER II- Teste de Triagem do Desenvolvimento


NÃO-RESTRITO

Público alvo: 0 a 6 anos de idade.

Aplicação: Individual.

Objetivo: É usado para identificar a criança cujo desenvolvimento parece estar atrasado em comparação com o desenvolvimento de outras crianças, ou seja, é um teste de triagem do desenvolvimento. Pode ser também usado para identificar mudanças no escore ou padrões ao decorrer do tempo, sendo primeiro interpretados os itens individuais e depois o teste inteiro.


 

10. FDT - FIVE DIGIT TEST


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: 6 A 92 ANOS.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Medir a velocidade de processamento cognitivo, a capacidade de focar e de reorientar a atenção e de lidar com interferências.


 

11. MMSE-2 (COLEÇÃO EXPANDIDA) - Mini exame do estado mental segunda edição


NÃO-RESTRITO

Público alvo: 18 AOS 100 ANOS

Aplicação: Individual.

Objetivo: Um dos instrumentos de rastreio mais utilizados para investigar o funcionamento cognitivo geral, ele foi criado para auxiliar o profissional na triagem e acompanhamento do estado mental de diferentes pacientes. Na coleção EXPANDIDA o profissional encontra as folhas de aplicação expandidas, recomendadas para o acompanhamento mais detalhado dos casos.

 

12. MTL - Brasil - Bateria Montreal Toulouse de Avaliação da Linguagem


NÃO-RESTRITO

Público alvo: Entre 19 e 75 anos.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Identificar e caracterizar as alterações de linguagem presentes em diversos quadros neurológicos e em distúrbios neuropsiquiátricos, assim como avaliar o tipo de afasia, auxiliando no processo de diagnóstico, prognóstico e reabilitação.


 

13.NEPSY II


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: Crianças de 3 a 16 anos.

Aplicação: Individual e coletivo.

Objetivo: é uma bateria neuropsicológica que avalia o desenvolvimento neuropsicológico de crianças de 3 a 16 anos. O teste fornece medidas de sensório-motor, linguagem, processamento visuoespacial, memória e aprendizagem, atenção/funções executivas e percepção social. É a bateria neuropsicológica de maior abrangência cognitiva e de faixa etária da infância e adolescência.

 

14. NEUPSILIN-Inf – Instrumento de Avaliação Neuropsicológica Breve Infantil


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: Entre 6 e 12 anos e 11 meses.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Identificar e caracterizar o perfil de funcionamento de processos neuropsicológicos visando a descrição cognitiva associada a diagnósticos em transtornos do neurodesenvolvimento, em geral, e da aprendizagem, em particular, quando aliado ao resultado de outros instrumentos e demais procedimentos no processo de avaliação neuropsicológica.

 

15. PERFIL SENSORIAL 2


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: Bebês desde o nascimento até 14 ANOS e 11 meses.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Um conjunto de cinco questionários com correção digital e um Manual do Usuário didático e informativo, o Perfil Sensorial 2 fornece um conjunto de ferramentas padronizadas para avaliar os padrões de processamento sensorial da criança no contexto da vida cotidiana. Estas informações proporcionam uma maneira única de determinar como o processamento sensorial pode estar contribuindo ou interferindo com relação à participação.


 

16. SON R / SON-R 2½-7 [a]


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: 2 a 7 anos.

Aplicação: Individual.

Objetivo: O teste foi desenvolvido especialmente para reduzir a influência do fator verbal e da escolaridade na avaliação das habilidades cognitivas, desta forma, a sua aplicação é adequada para pessoas com dificuldade auditiva, problemas de linguagem, transtornos do desenvolvimento e imigrantes.


 

17. TAVIS-4 - Teste de Atenção Visual - 4ª edição


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: Crianças, adolescentes de 06 a 17 anos.

Aplicação: Individual.

Objetivo: O Teste de Atenção Visual – 4ª edição (TAVIS-4) é um teste computadorizado de atenção visual que consiste de três tarefas para avaliar as seguintes funções atencionais: Seletividade, Alternância, Sustentação. O TAVIS -4 utiliza as seguintes medidas para avaliar o desempenho do sujeito nas tarefas: Tempo Médio de Reação (TMR), Erros por Omissão (EO) e Erros por Ação (EA).

 

18. TENA - Teste de Nomeação Automática (Coleção)


NÃO-RESTRITO

Público alvo: Crianças dos 3 aos 9 anos.

Aplicação: Individual.

Objetivo: O instrumento tem como objetivo avaliar a nomeação automática em crianças. É de grande importância na identificação precoce de riscos de dificuldades de leitura e aprendizado em crianças, bem como para avaliar processos subjacentes a fluência de nomeação e de leitura que compõe o sistema básico de recuperação de palavras e seus componentes, podendo ser utilizado como instrumento diagnóstico.

 

19. THCP - TESTE DE HABILIDADES E CONHECIMENTO PRÉ-ALFABETIZADO


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: De 4 a 7 anos.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Identificação das habilidades e do nível de conhecimento pré-alfabetização de crianças pequenas.

 

20.Time-R


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: Crianças de 3 anos a 6 anos e 11 meses.

Aplicação: Individual.

Objetivo: O teste Infantil de memória, é um instrumento que avalia os processos subjacentes a memória de curto prazo, especialmente os seus componentes fonológicos e visuoespaciais, utilizando 6 subtestes que apresentam sequências que variam na quantidade de estímulos que devem ser memorizados pelo examinado.

 

21. TNABV - TESTE NEUROPSICOLÓGICO PARA AVALIAÇÃO DO BINDING VISUOESPACIAL


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: 18 a 95 anos.

Aplicação: Individual e coletiva.

Objetivo: O referido material tem como objetivo avaliar a capacidade de binding da memória operacional visuoespacial, caracterizado pela associação de informações visuais e espaciais para posterior lembrança.

 

22. VINELAND 3 (Escalas de Comportamento Adaptativo Víneland)


NÃO-RESTRITO

Público alvo: Desde o nascimento até a idade adulta (90 anos).

Aplicação: Individual.

Objetivo: Com a Vineland-3 é possível medir o comportamento adaptativo de indivíduos com deficiências intelectuais e de desenvolvimento, Transtorno do Espectro Autista (TEA), Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH), lesão cerebral pós-traumática, deficiência auditiva e visual, doença de Alzheimer.

 

23. WAIS III - ESCALA DE INTELIGÊNCIA WECHSLER PARA ADULTOS


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: 16 a 89 anos.

Aplicação: Individual.

Objetivo: A Escala de Inteligência Wechsler para Adultos – WAIS III, tem por objetivo avaliar a capacidade intelectual, o funcionamento cognitivo global do indivíduo.

 

24. WASI - ESCALA WECHSLER ABREVIADA DE INTELIGENCIA


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: 6 a 89 anos.

Aplicação: Individual.

Objetivo: A WASI é um instrumento breve de avaliação da inteligência. Fornece informações sobre os QIs Total, de Execução e Verbal a partir de quatro subtestes (Vocabulário, Cubos, Semelhanças e Raciocínio Matricial), em um curto espaço de tempo. A escala ainda fornece a possibilidade de avaliação do QI Total com apenas dois subtestes (Vocabulário e Raciocínio Matricial).

 

25. WCST - Teste Wisconsin de Classificação de Cartas


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: Indivíduos dos 6 aos 89 anos de idade.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Trata-se de um instrumento que avalia o raciocínio abstrato, a capacidade do sujeito de gerar estratégias de solução de problemas em resposta a condições mutáveis. Os critérios de resolução são inicialmente desconhecidos e mutantes, exigindo do respondente uma compreensão dos princípios lógicos do problema.


 

26. WISC IV - ESCALA WECHSLER DE INTELIGENCIA PARA CRIANCAS


RESTRITO À PSICÓLOGOS

Público alvo: 6 a 16 anos.

Aplicação: Individual.

Objetivo: Avaliar a capacidade intelectual das crianças e o processo de resolução de problemas.

 

8.019 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Commenting has been turned off.
bottom of page