SON-R 2½-7 [a] (Bloco de respostas) 50 un

Descrição

 

O SON-R 21/2-7 [a] é um instrumento não verbal para avaliação da inteligência geral.

 

Atende tanto a crianças típicas, como crianças com diversos típos de deficiência. Por não depender de habilidades linguísticas, ele se torna adequado à crianças com necessidades especiais de linguagem, fala ou comunicação, como surdez, autismo e transtornos de desenvolvimento. Além disso, o teste também é adequado para imigrantes, cuja a primeira lingua é diferente da falada no lugar de moradia.

 

Seu objetivo é a avaliação geral do desenvolvimento e das habilidades cognitivas, através de quatro subtestes, que avaliam habilidades espaciais e viso-motoras e raciocínio abstrato e concreto.

 

Difere de outros testes não-verbais para crianças, na sua combinação de: Abordagem amigável - no estilo de administração e na atratividade dos materiais; Pessoal - aplicado de acordo com a particularidade de cada criança; Variedade das habilidades medidas e na possibilidade de testar a inteligência independentemente do nível de habilidade verbal.

Os subtestes podem ser agrupados em dois tipos: Testes de raciocínio (Categorias e Situações) e testes de execução com enfoque espacial e viso-motor (Mosaicos e Padrões).Portanto, esse teste pode servir tanto como primeira opção, quanto como um segundo teste nos casos em que decisões importantes precisam ser tomadas ou se a validade do primeiro teste for duvidosa.



Correção: Manual ou informatizada através de software incluso no kit, disponível para Windows 98, Me, NT, 2000, XP, Vista, Windows 7.

 


Ficha técnica

 

População: O instrumento é destinado à crianças de 2 anos e meio à 7 anos e 11 meses de idade.

Aplicação: Individual.

Tempo de aplicação: Em média 40 minutos.

Contexto recomendado: Educacional, Clínico, Neuropsicológico e demais áreas onde o propósito é fazer uma avaliação da cognição.

ISBN 978-85-85439-21-7

 

 

INSTRUMENTO RESTRITO A PSICÓLOGOS

CONFIANÇA

em avaliações psicológicas